Lipoaspiração, como é feita a cirurgia plástica mais realizada do Brasil

Publicidade

O desejo de ter uma barriga chapada leva cada vez mais pessoas a procurarem a lipoaspiração, um procedimento que já se tornou comum no país.

A região da barriga é uma grande frustração para uma parcela da sociedade já que o local é muito susceptível a sofrer com as oscilações de peso. Em muitas mulheres, quando há ganho de massa corporal, o primeiro local a declarar as mudanças físicas é a barriga que começa a ganhar volume.

Em busca de uma barriga chapada muitos estão recorrendo a dietas e academias, mas queimar a gordura da região não é tarefa tão fácil. Muitas vezes a gordura existente impede que os músculos apareçam e o processo para eliminar esta capa de gordura abdominal é lento e requer muita disciplina, podendo levar até anos para se conseguir a tão sonhada barriga de
tanquinho.

O ritmo acelerado do dia-a-dia com trabalho, estudo, casa e família muitas vezes impede que as pessoas consigam equilibrar uma rotina de exercícios pesados e dieta específica para perda de gordura abdominal.

Por este motivo, a procura de cirurgia de lipoaspiração é alta entre os brasileiros. Em 2013, o procedimento chegou a liderar o ranking das cirurgias plásticas mais realizadas no país.

lipoaspiracao - como é feita a cirurgia

Como é feita a cirurgia de Lipoaspiração

A cirurgia de lipoaspiração tem o objetivo de retirar a gordura localizada do corpo do paciente. Isto pode acontecer através de algumas técnicas diferentes, mas a mais comum é com o uso de uma espécie de seringa, chamadas de cânulas, que são introduzidas na pele até o tecido adiposo, camada posterior a derme. Através de um sistema à vácuo as cânulas sugam as gorduras localizadas.

Os locais onde são inseridas variam de acordo com a região escolhida pelo paciente e também com a técnica do cirurgião plástico. Pequenos furos são feitos na introdução das cânulas na pele, essas marcas costumam ser feitas em locais discretos para que não haja incidência de cicatrizes aparentes. Mas, no geral, após algumas semanas essas pequenas escoriações ficam praticamente imperceptíveis.

A lipoaspiração pode ser realizada em diversas partes do corpo. Geralmente é realizada no abdômen, culotes e costas. Mas podem ser aspiradas gorduras das regiões dos braços, pernas, glúteos, entre outros.

Também é comum a realização do procedimento em mais de uma região em uma mesma sessão. O que vai depender sempre da indicação profissional do seu médico. Outro procedimento muito realizado junto a lipoaspiração é a lipoescultura, nesta técnica as gorduras retiradas na lipo são usadas como enxertos em outras partes do corpo como na
região dos glúteos e coxas. A lipoescultura tem como principal foco proporcionar uma remodelação do corpo do paciente, afim de deixá-lo esteticamente mais harmonioso.

Lembrando que a lipoaspiração é mais indicada quando o paciente não consegue perder as gorduras localizadas através de dietas e exercícios físicos.

A lipoaspiração não é realizada para  tratamentos de obesidade ou emagrecimento. Para que o paciente esteja apto à cirurgia é necessário que apresente massa corporal adequada para sua estrutura física.